Publicado em Gabarito, Resposta aos leitores

Gabaritos

Devido alguns pedidos, deixo aqui o gabarito de alguns exercícios postados no site. Peço desculpa pela demora em postá-los, mas acredito ter conseguido responder todos os pedidos.

Exercícios sobre trovadorismo

(Exercício na íntegra)

  1. Na canção “Atrás da porta” Chico Buarque nos remete as cantigas trovadorescas. Que tipo específica de cantiga ele nos remete? Justifique sua resposta.

Na canção “Atrás da porta” Chico Buarque nos remete as cantigas trovadorescas. Que tipo específica de cantiga ele nos remete? Justifique sua resposta. Remete as cantigas de amigo, uma vez que fala sobre a partida da pessoa amada, com um eu-lírico feminino (apesar de ser escrita por um homem), características típicas de uma cantiga de amigo. “Ai, flores do verde ramo, Se sabedes novas do meu amado? Ai, Deus, e u é?” Escreva as palavras que completam os espaços: Os versos acima pertencem a uma CANTIGA , característica do Trovadorismo português, estética literária dos séculos XII, XIII e XIV.

  1. Nas cantigas de amor,

a)       o trovador expressa um amor à mulher amada, encarando-a como um objeto acessível a seus anseios. b)       o trovador velada ou abertamente ironiza personagens da época. c)       o “eu-lírico” é feminino, expressando a saudade da ausência do amado. d)       o poeta pratica a vassalagem amorosa, pois, em postura platônica,expressa seu amor à mulher amada. e)       existe a expressão de um sentimento feminino, apesar de serem escritas por homens.

  1. Marque V para verdadeiro e F para falso.

f ) As cantigas de mal dizer e de escárnio pertencem a lírica trovadoresca. (  f ) As cantigas de amigo possuem um ambiente palaciano e o eu-liríco é feminino, apesar de serem escritas por homem. (  v ) As cantigas de amor possuem um ambiente palaciano e suas características principais são a vassalagem amorosa e a coita de amor. (  v) A canção da Ribeirinha iniciou o trovadorismo português. (  v) As cantigas de amigo, em geral, possuem um eu-lírico feminino, apesar de serem escritas por homens. A temática principal, quase sempre, é o sofrimento da mulher pelo amado que partiu.

  1. Assinale a alternativa incorreta a respeito do Trovadorismo em Portugal. a) Durante o Trovadorismo, ocorreu a separação entre poesia e a música. b) Muitas cantigas trovadorescas foram reunidas em livros ou coletâneas que receberam o nome de cancioneiros. c) Nas cantigas de amor, há o reflexo do relacionamento entre o senhor e vassalo na sociedade feudal: distância e extrema submissão. d) Nas cantigas de amigo, o trovador escreve o poema do ponto de vista feminino. e) A influência dos trovadores provençais é nítida nas cantigas de amor galego-portuguesas.
  2. “Coube ao século XIX a descoberta surpreendente da nossa primeira época lírica. Em 1904, com a edição crítica e comentada do Cancioneiro da Ajuda, por Carolina Michaëlis de Vasconcelos, tivemos a primeira grande visão de conjunto do valiosíssimo espólio descoberto” (Costa Pimpão) a) Qual é essa primeira época lírica portuguesa? Trovadorismo b) Que tipos de composições poéticas se cultivavam nessa época? Cantiga de amigo, amor, escárnio e maldizer
    1. Assinale a alternativa incorreta

a) Na cantiga de amigo, o “eu-lírico” feminino lamenta a ausência do amigo distante; b) Na cantiga de escárnio, a sátira é feita indiretamente e usam-se a ironia e as ambigüidades; c) Na cantiga de maldizer, o erotismo pode estar presente; d) Na cantiga de amor, o apelo erótico é purificado e ocorre a idealização do amor; e) Na cantiga de amigo, usa-se o refrão, mas não existe paralelismo.

Exercícios de advérbios e locuções adverbiais

(Exercício na íntegra)

a)      No título da notícia, que locução adverbial poderia substituir o advérbio de negação presente na frase?

(a) de maneira nenhuma  (b) à vontade   (c) em excesso   (d) Com certeza  (e) Nesse momento

b)      Veja as seguintes frases: “Fiquei inebriado” “Foi brutal”. As palavras destacadas têm a mesma classe gramatical? Se sim, qual a classe gramatical dessas palavras? Sim. Ambas são adjetivos.

c)       A história ocorreu nos Estados Unidos, sendo todos os envolvidos nascidos naquele país. Qual o adjetivo pátrio que podemos utilizar para definir o Romeu apaixonado? Estadunidense ou norte-americano.

d)      Retire do texto um advérbio de modo e indique uma locução adverbial capaz de substituí-lo. A história não acabou BEM. – Pode ser substituído por DE MODO BOM

e)      Veja a seguinte frase: “(…) se aproxima da namorada, exatamente no local onde eles se conheceram.”  O termo destacado pode ser uma locução adverbial? Por quê? Sim, pois indica lugar.

  1. 1.       Leia as duas frases e marque a única resposta correta.

I – Hoje choveu muito aqui.

II – À noite choveu em excesso por aqui.

(a)    Na primeira frase há apenas locução adverbial de lugar. (b)   Na primeira frase não há advérbio de tempo. (c)    Na segunda frase há três locuções adverbiais. (d)   Na primeira frase há apenas dois advérbios.

  1. 2.       Relacione a 1ª coluna com a 2ª.

(1) água de chuva        (3   ) Fluvial

(2 )olho de gato             ( 4 )Angelical                                                                                            (3 ) água de rio            (   2) Felino

(4 ) Cara-de-anjo           (   1) Pluvial

  1. Marque a única opção onde não há advérbio.

a) Não o quero. b) Ali está o material. c) Tudo está correto. d) Talvez ele fale. e) Já cheguei.  

  1. Veja o trecho da música “Do lado de cá” e responda corretamente as questões.

“Se a vida às vezes dá uns dias de segundos cinzas

e o tempo tic taca devagar

Põe o teu melhor vestido, brilha teu sorriso

Vem pra cá, vem pra cá (…)”

 

 

a)      O termo “tic taca devagar” pode ser classificado como uma locução adverbial? Justifique sua resposta. Sim, pois indica o modo como as horas passam no relógio.

b)      No termo “Segundos cinzas”, a palavra cinza é um adjetivo substantivado? Justifique sua resposta. Não, é um adjetivo que caracteriza o substantivo segundos.

Exercícios sobre verbos e concordância verbal

(Exercício na íntegra)

1) a) O verbo “amava” aparece diversas vezes no poema. Quais os complementos de “amava” no 2º verso? Maria, Joaquim, Lili

b) O verbo “amava” no terceiro verso faz concordância com qual nome? Lili

c) O verbo “casou” no sexto verso é transitivo ou intransitivo. Caso tenha complemento, destaque-o (sublinhe). Nesse caso, transitivo. Complemento “com J. Pinto Fernandes”

d) O verbo “Entrado” no último verso faz concordância com qual nome? J. Pinto Fernandes

2) a) No texto existe um erro de concordância verbal na segunda linha. O verbo “focado” deveria concordar com qual nome? Reescreva a frase de forma que ela fique correta. Deveria concordar com “uma série”. A frase correta ficaria “É focada em apresentações de colégio (…)”

b) Sublinhe no segundo parágrafo um verbo transitivo direto. Reerguer

c) Marque a alternativa correta quanto à concordância verbal.

( ) Os Estados Unidos é responsável pela série musical Glee

( X) Os Estados Unidos são os responsáveis pela série musical Glee.

( ) Os Estados Unidos foi responsável pela série musical Glee.

( ) Estados Unidos são responsáveis pela série musical Glee.

Exercícios sobre adjetivos e locuções adjetivas

(Exercício na íntegra)

a) Qual o adjetivo que caracteriza o substantivo “Menina”? A característica dada para esse substantivo é carinhosa ou pejorativa (boa ou ruim)? Justifique. Pequenina. Trata-se de um diminutivo carinhoso.

b) Em “Põe no cabelo uma estrela e um véu/ e diz que caiu do céu” a menina afirma que a estrela e o véu são do céu. Que adjetivo podemos utilizar para substituir o termo “do céu”? Celeste

c) Marque a opção correta sobre a poesia de Cecília Meireles em questão.

( ) Menina – Substantivo próprio ( ) Crianças – Adjetivo (x ) Pequenina – Adjetivo ( ) Tonta – Substantivo abstrato

2. Veja a piada a seguir e faça o que se pede.

Alemão – Manuel – Português – Alemães – Cuidadoso

O Português ia para a Alemanha e estava preocupado em se comunicar por lá, mas alguns amigos falaram que era só falar devagar, que os Alemães (Adjetivo pátrio – da Alemanha – Plural) entenderiam. Já em Frankurt,Manuel(Substantivo próprio) pega um táxi e cuidadoso (Adjetivo) fala bem devagar: – Gos-ta-ria de ir pa-ra o ho-tel E o taxista responde, também devagar: – Es-tá bem.Es-cu-te uma coi-sa.Vo-cê é por-tu-guês? E o Manuel: – Sim. Vo-cê tam-bém? E o taxista: – Sim.Ora, pois, então por que estamos a falar alemão (Adjetivo pátrio – da Alemanha)? Podemos falar português(Adjetivo pátrio – de Portugal) !

a) Complete a piada com as palavras do quadro seguindo as indicações entre parênteses.

b) Na piada da questão anterior existe um adjetivo substantivado. Qual é esse adjetivo? “O Português”

Espero que ajude. Beijos, fiquem com Deus.

Anúncios
Publicado em Ensino fundamental, Orações, Resposta aos leitores

Gabarito das questões sobre Intertextualidade + Predicativo

Nesses últimos dias tive no blog algumas perguntas. Vejamos:

Claudia

Professora, gostaria, se possível, q a sra. me enviasse o gabarito .
Obrigada. (SIC)

Como solicitado, aqui está o gabarito das questões sobre interpretação de texto e intertextualidade!

1. Não, pois a princesa preza por sua independência e não tem a idéia de felicidade relacionada à figura masculina (como costuma acontecer nos contos de fada).
2. Ela terminaria com o príncipe e “viveriam felizes para sempre”.
3. Construir um lar feliz no qual ela viveria em função de cuidar dele e da família.
4. Ser independente. (Essa resposta é pessoal,portanto existem diversas respostas certas).
5. Independente, cheia de auto-estima. As características da princesa condizem com sua atitude final, pois ela preza por sua liberdade.
6. Paródia, pois perverte a idéia do texto original. A idéia principal do texto de Veríssimo é completamente diferente da idéia do clássico conto de fadas.
7. Sim, pois a princesa tem uma atitude das mulheres do nosso século ao prezar por sua liberdade.
8. C
9. Trata-se de uma paráfrase,pois a idéia existente no quadrinho é semelhante àquela que encontramos no texto de Veríssimo.

Claro que todas as respostas podem ter variações, porém devem respeitar uma certa lógica.
Espero ter ajudado.

Karolina

Simone, pode me ajudar a entender melhor predicativo do sujeito e do objeto , estou no 9o ano do ensino fundamental e sinto dificulddae nesses assuntos.
Obrigada desde já.(SIC)

O Predicativo atribui uma qualidade ou estado a um termo que pode ser um objeto ou o sujeito, sendo assim, o predicativo pode ser do sujeito, do objeto direto ou do objeto indireto, depende qual a função do substantivo que ele qualifica.

Predicativo do sujeito
Vejamos a frase:
Mariana está alegre.
Mariana = Sujeito – Está = Verbo de ligação – Alegre = Predicativo do sujeito
O adjetivo ALEGRE indica um estado de MARIANA que, nessa oração,  é o nosso sujeito, isto é, o ser de quem se declara alguma coisa.
Em geral, quando temos SUJEITO + VERBO DE LIGAÇÃO + PREDICATIVO DO SUJEITO temos um predicado nominal.

Predicativo do Objeto
Vejamos a frase:
Eu vi Mariana alegre.
Eu = Sujeito – Vi = Verbo transitivo direto – Mariana = Objeto Direto – Alegre = Predicativo do objeto direto.
Todo verbo transitivo direto (VTD) pede como complemento um Objeto direto (OD). Se temos um VTD, um OD e um adjetivo que qualifica esse OD, então esse adjetivo que qualifica o OD é o nosso Predicativo do objeto direto.
Se no lugar do verbo VI (que é um VTD), tivéssemos o verbo SIMPATIZAR (que é um VTI – Verbo transitivo indireto)? Teríamos então a seguinte frase:
Eu simpatizo com Mariana alegre.
Como o verbo simpatizar é transitivo indireto ele não “transita diretamente”, isto é, ele precisa de uma preposição, nesse caso o COM, então Mariana é o nosso objeto direto, uma vez que é complemento de um VTI. A palavra ALEGRE continua sendo predicativo do objeto, porém agora ele está qualificando um objeto indireto, logo temos ALEGRE como predicativo do objeto indireto.
Em geral, quando temos predicativo do objeto temos um predicado verbo-nominal.

Caso tenha alguma dúvida e queira enviar para o site, pode fazê-lo através dos comentários ou pelo formulário na página Contato.